Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Brasão

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso


Quarta-feira, 29 de setembro de 2021 16h55


EDUCAÇÃO

Deputado solicita indicação a ministro para criação de instituto federal em Sorriso

Governo federal estuda criar dez novas unidades de ensino em dez estados

CARLOS GUSTAVO DORILEO DA SILVA / Gabinete do Deputado Gilberto Catani



Foto: Marcos Lopes

O deputado estadual Gilberto Cattani (PSL) pediu que a Assembleia Legislativa encaminhe uma indicação ao ministro da Educação, Milton Ribeiro, para a criação de um instituto federal  de ensino, com sede no município de Sorriso, norte do estado. A solicitação foi feita por meio de documento encaminhado à Mesa Diretora da Casa de Leis nesta quarta-feira (29).

Nos últimos meses, o Ministério da Educação promoveu levantamento de dados e informações para a criação de dez institutos federais em dez estados brasileiros. O parlamentar defendeu que Mato Grosso esteja na lista, tendo em vista a necessidade de avanço na educação técnica e tecnológica no estado.

Conforme o deputado, a indicação destaca a intenção dos mato-grossenses em ter mais um instituto federal, que será chamado Instituto Federal Norte de Mato Grosso (IFNMT), com sede na cidade de Sorriso, e que vai englobar os já existentes campi das cidades de Sinop, Lucas do Rio Verde, Campo Novo do Parecis, Alta Floresta, Juína e Guarantã do Norte. 

A iniciativa também contempla a criação de novos campi, nas cidades de Colíder, Campo Novo do Parecis (Aldeia Indígena Parecis), Confresa e Nova Mutum. A indicação ainda diz que os estudos de viabilidade de quais cursos serão ofertados podem ser promovidos por audiências públicas nas cidades. 

“Queremos mais um instituto federal aqui no estado com sede em Sorriso. Certamente com a criação de uma nova instituição de ensino no estado de Mato Grosso o crescimento educacional do nosso povo será ainda mais forte, e ainda teremos novos profissionais com maior capacitação ao mercado de trabalho, que por sua vez repercutirá numa melhor economia pública e privada”, explicou.

Atualmente, o IFMT conta com 14 campi em funcionamento (Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Campo Novo do Parecis, Confresa, Cuiabá – Octayde Jorge da Silva, Cuiabá – Bela Vista, Juína, Pontes e Lacerda, Primavera do Leste, Rondonópolis, São Vicente, Sorriso e Várzea Grande). Possui ainda cinco campi avançados, nos municípios de Diamantino, Lucas do Rio verde, Tangará da Serra, Sinop e Guarantã do Norte.


Gabinete do Deputado Gilberto Catani